terça-feira, 1 de outubro de 2013

As eleições.

Vivo numa pequena Vila onde o poder local é o mesmo desde que há democracia: o da "setinha".
Uma terra com um potencial enorme, mas que parou no tempo. Não há energia, não há projecção, não há desenvolvimento sustentado. Há muito que seria necessário um refresh de ideias.
As alternativas têm sido várias e bastante boas, mas como aderem ao "punho fechado" são conotados como uns comunistas que fazem mal ao povo.
Povo este que vive submisso, atormentado, bloqueado, manipulado, agarrado ao poder da "setinha".
Mais um acto eleitoral e tudo ficou na mesma.
Revolta viver neste marasmo e mais revolta assistir à instrumentalização de jovens, para fazerem a defesa do poder instituído.
Sou apologista da alternância, porque quem se candidata a um cargo público deve fazê-lo com sentido de servir a população, de querer sempre mais e melhor qualidade de vida para o povo, e não eternizar-se no poder. Mas, pelo contrário, assistimos a gente que faz do poder a sua casa, o seu escritório, com todos os prejuízos/ vícios que advêm para o interesse público.
 
Comoveu-me a grande vitória da CDU, bem como o desmorar de poderes existentes na Madeira e nos concelhos de Braga e da Guarda. E são estes exemplos que me fazem questionar: será que um dia tal será possível na minha Vila?
 
 

24 comentários:

  1. Night Dark a presidente da Junta já! "A luz da negra política portuguesa" ahahahahaha

    Queres um kleenex para limpar a lágrima? ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita: a revolta é muita!...mas já acalmou :)

      Eliminar
  2. Será!! E digo-te, porque durante muito tempo pensava assim, até assistir ao apocalipse eleitoral que se verificou no passado fim de semana.

    ;)

    ResponderEliminar
  3. São precisas cabeças, ideias e ideais novos, hão-de surgir!
    ND tu não me digas que vives no "Cavaquistão"!

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alternativas à altura sempre existiram...o problema são as pessoas, nomeadamente os jovens que votam apenas na "setinha"...não sou da zona do "cavaquistão", mas é idêntico LOL

      Eliminar
    2. Então os jovens da tua terra têm cabeças velhas ou feitas ao molde dos seus interesses pessoais, e assim de facto não é fácil mudar!
      Na minha zona acontece o mesmo mas estão mais para a rosa, neste aspecto o Porto de uma grande lição.

      Beijos

      Eliminar
    3. Os (maus) exemplos acontecem nos dois partidos do poder...sem dúvida, adorei o resultado do Porto, porque foi uma chapada de luva branca nos partidos políticos!!

      Beijinhos

      Eliminar
  4. Espero bem que sim. Essas boas alternativas de que falas deveriam candidatar-se de forma independente. Talvez assim as pessoas não as associassem, erradamente, àquela ideia antiga de comunismo. Além de que desta vez os movimentos independentes foram verdadeiros vencedores.
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também sou dessa opinião...os partidos estão podres e sou apologista de candidaturas independentes :)

      Eliminar
  5. Pareces eu a pensar...tens a certeza que não és da minha terra? ;)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Acredita que sim!

    homem sem blogue
    homemsemblogue.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  7. na minha terrinha a cdu ficou em segundo por 52 votos :( foi uma pena.. sei que iam fazer um bom trabalho pois conheço as pessoas e já fora da politica eles esforçam-se por melhorar a nossa terrra

    ResponderEliminar
  8. Eu sou assumidamente não politica e não votante!!
    Acredito que é tão mau para vocês eu não ir votar, como para mim...ir votar sem qualquer crença nesse sistema tão disfarçado de democracia!
    Mas pronto, fica aqui o meu... BEM REGRESSADO SR: DA ESCURIDÂO!!! beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas as eleições para o poder local são diferentes, mas acredito que votar nas freguesias em Lisboa seja diferente de votar nas freguesias da provincia, onde há mais proximidade com o povo.
      Também estou desacreditado nos partidos...
      Obrigado :)

      Eliminar
  9. Quero acreditar que ventos de mudança se avizinham... a bem da sociedade, a bem do país!

    ResponderEliminar
  10. é bom mudar, aqui mudou à 4 anos, tinha sido setinha durante 30 anos e o pessoal chateou-se e mudou para melhor, este ano continuamos com o punho fechado.

    espero que esta cidadezinha, continue a crescer e a desenvolver... barcelos está top! tens de vir conhecer na tua moto toda xpto :D

    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os papões acabam mesmo!!
      Fica a dica para uma trip ;)

      Beijinhos

      Eliminar